FHC e líderes tucanos lançam Aécio como pré-candidato à Presidência

'Aécio [..] tem, desde já, de assumir suas responsabilidades', disse FHC.
Presidente do PSDB, Sérgio Guerra, defendeu que senador lidere o partido.


O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso lançou nesta segunda-feira (3) o senador Aécio Neves (MG) como pré-candidato do PSDB à Presidência da República pouco antes do início, em Brasília, de um encontro de prefeitos eleitos da legenda com os principais líderes do partido




“Não há ninguém no PSDB que não torça pela candidatura do Aécio [à Presidência da República]. Aécio é sem dúvida o candidato da grande maioria do PSDB e deve ser o presidente do partido. É o chefe que precisamos, o líder que valorizamos”, disse.

Aécio, que chegou alguns minutos atrasado, preferiu não assumir a pré-candidatura. “Eu cumprirei meu papel como sempre cumpri. O Brasil está cansado do que está vendo [...] Eu vou cumprir meu papel seja ele qual for, só não vou antecipar etapas", disse.

Fernando Henrique afirmou que considera possível que o partido ganhe as eleições presidenciais em uma eventual disputa com a atual presidente Dilma Rousseff.

“Claro que é [possível ganhar da Dilma]. Eu sei que a presidente tem popularidade, mas veja bem, o presidente Lula foi [eleito] duas vezes no segundo turno. Então, esta questão a gente tem de ver com mais entusiasmo, isso vai depender do candidato”, disse.

Fernando Henrique e Sérgio Guerra afirmaram que o partido vai lançar uma agenda de propostas, com bases em expectativas da população.
Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment