Jovem que teve corpo queimado é transferido de hospital em SP

Uoshington Ramalho da Silva estava no Hospital Municipal Saboya.
Nesta manhã, ele foi para o Hospital do Servidor Público Estadual.


O jovem Uoshington Ramalho da Silva, que teve 60% do corpo queimado por um PM na madrugada deste sábado (8), foi transferido do Hospital Municipal Saboya para o Hospital do Servidor Público Estadual na manhã deste domingo (9), informou a Secretaria Municipal de Saúde.

O caso aconteceu após acabar o combustível da moto em que estava Uoshington e seu amigo, William Gonçalves da Silva. Um casal se ofereceu para ajudá-los e foi buscar gasolina. Em seguida, quatro policiais abordaram os rapazes. O casal voltou com o combustível e foi embora.

Segundo Willian, de 22 anos, o policial jogou gasolina em sua cabeça, mas ele conseguiu escapar, porque saiu correndo. Já Uoshington, de 19 anos, começou a pegar fogo na calçada.

O policial militar Marcelo Penny Ribeiro foi preso e foi levado para a 3ª Companhia do 46º Batalhão da PM, que fica na região do Sacomã. Segundo seu advogado, ele estava em “choque” na tarde deste sábado (8) por conta do ocorrido.


De acordo com o comandante interino, Gilson Paulo, o soldado descreveu o ocorrido como "um acidente". "Segundo a versão dele, o cigarro que ele estava fumando caiu ao chão e acabou pegando fogo em uma das vítimas. Um acidente", afirmou o comandante.





Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment