Homem alega que agrediu garota por ter sido rejeitado após 'gastar muito'

Um comerciante de 33 anos foi preso na noite de quinta-feira (25), suspeito de tentar matar uma jovem de 20 anos com uma garrafa de cerveja, em Luziânia, no Entorno do Distrito Federal. Os dois se conheceram após o rapaz ligar para ela por engano e, posteriormente, marcarem um encontro pela internet, no ano passado. À polícia, ele alegou que ficou nervoso por ter sido rejeitado pela pretendente após ter "gastando muito" ao pagar "dois pastéis e duas doses de bebida" para ela.

Titular da Delegacia da Mulher de Luziânia, Dilamar de Castro disse  que a vítima foi golpeada com a garrafa e os cacos de vidro 14 vezes na cabeça, rosto e pescoço. O suspeito teria tentado passar a mão na perna da jovem em um bar, mas ela não deixou. Ao levá-la para casa, relata a delegada, ele parou em um local deserto, alegando que o pneu do carro havia furado e agrediu a moça. A tentativa de homicídio aconteceu no setor Chácaras dos Americanos, no dia 30 de novembro quando o casal se encontrou pessoalmente pela segunda vez, depois de trocar mensagens por celular e se falar pela internet.

Raiva
A jovem afirmou que o comerciante ficou alterado depois que ela não aceitou ser acariciada. “Ele ficou com raiva. Talvez estava acostumado a fazer isso com qualquer mulher, mas comigo não”, contou. A garota contou que alguns minutos após ser agredida, um motociclista passou pelo local e chamou a polícia para ajudá-la.

Por causa dos ferimentos, ela passou uma noite no hospital e ainda terá de passar por uma cirurgia reparatória devido aos cortes que sofreu no rosto. Assustada com tudo que aconteceu, a jovem mudou-se de Luziânia após o crime.

Em depoimento à polícia, o comerciante confirmou que a intenção era matar a jovem, mas não levou a ideia adiante porque viu alguns carros passando próximo ao dele. Ele teria ficado com medo de ser flagrado cometendo o crime e acabou fugindo. O suspeito vai responder por tentativa de homicídio.

A delegada Dilamar de Castro alerta que é preciso tomar cuidado com os contatos com desconhecidos pela internet, pois o número de vítimas tem aumentado. “Se chegar a conhecer alguém, nunca se encontre em local que não seja público e que não tenha uma grande circulação de pessoas, para não correr risco de acontecer o que houve com essa pessoa".

Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário