CONTOS DO VOLTAGEM ''A FANTASIA''


Três da manhã e o policial Astolfo Dido percebe uma movimentação no carro parado no km 13 ali na BR 153, próximo a Itumbiara no sul goiano, ele se aproxima e começa a ouvir gritos, é uma mulher que está a gritar, "Será um sequestro?
" Pensa Astolfo, resolve guardar a ponto 40 no coldre e opta pela 12 de cano serrado a situação pode ser extrema, os gritos cada vez mais altos, o carro balança "Deve ser a mulher querendo escapar" pensa ele mas, quando Astolfo chega próximo a janela e grita: "SAIA COM AS MÃOS PARA CIMA!!" Percebe que na verdade é um casal fazendo sexo! Continua sendo crime, é atentado ao pudor, Astolfo Dido, num misto de alívio por não ter que combater bandidos e uma raiva tremenda pelo desrespeito e pela pouca vergonha do casal em relação ao local público, grita mais uma vez "Saiam do carro!! Saiam do carro!!" Vê quando a moça coloca as mãos na janela, com os olhos revirando e com movimento frenético batendo a cabeça no vidro...Algo parecido com exorcismo ou ataque epilético. "É muito desrespeito, SAIAM DO CARRO AGORA!!" A mulher agora começa a gemer cada vez mais alto e a cabeça bate cada vez mais no vidro... "SAIAM DESSA PORRA AGORA!!" grita Astolfo Dido, a mulher começa a tremer e a babar e solta um grito anunciando que talvez não saiam da porra do carro, mas alguma porra saiu de algum lugar...Em seguida abrem a porta, 'Seu guarda pode prender a gente, sabemos que estamos errados, pode prender, o senhor está certo, nós estamos errados" , "E por que é que vocês não foram pra um motel??" Perguntou Astolfo Dido, o moço respondeu: "É que a gente sempre teve a fantasia de transar com alguém olhando...Viu o orgasmo que minha namorada teve??

Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário