Fernando Vasconcelos (PMDB) é eleito prefeito de Goiatuba, em Goiás

Candidato venceu com 76,69% dos votos válidos.
Prefeito eleito em 2012 foi cassado por compra de votos.

O candidato Fernando Vasconcelos (PMDB) foi eleito prefeito de Goiatuba, no sul de Goiás, após eleições realizadas neste domingo (1º). Segundo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Vasconcelos teve 7.523 votos, representando 76,69% dos votos totais. Ele já havia concorrido ao cargo nas eleições de 2012, quando perdeu para Reinaldo Cândido, que teve o mandato cassado por compra de votos.
Em segundo lugar, com 2.287 votos,  ficou Noroel Santos Buzain (PSC), totalizando 23,31% dos votos válidos. A candidata Márcia Cândido (PSDB) concorreu ao pleito “sub judice” e, por isso, o TRE não divulgou a soma dos votos obtidos por ela.
Segundo o Tribunal, a eleição transcorreu tranquilamente, com exceção da decisão da Justiça em suspender as atividades de uma rádio local. A juíza eleitoral da 38ª Zona, Sabrina Rampazzo, considerou que o veículo de comunicação estava emitindo “comentários tendenciosos” durante a votação, mas ninguém chegou a ser preso.
Impugnação
Na manhã de hoje, o TRE rejeitou o pedido de embargo da decisão que impugnou a candidatura de Márcia Cândida. Segundo o TRE, em seu pedido, a candidata argumentava que a decisão que negou a candidatura dela, na última quinta-feira (29), não foi unânime entre os juízes. Ela concorreu ao cargo “sub judice”. O relator do recurso, o juiz membro, Luciano Hanna alega inelegibilidade por vínculo conjugal, já que a candidata é casada com o ex-prefeito cassado, Reinaldo Cândido da Silva.
Cassação
No dia 11 de março deste ano, a Justiça determinou o afastamento do prefeito Ronaldo Cândido, do vice-prefeito Ronaldo Salatiel, além do dos vereadores Jubes Carlos de Oliveira (PSDB) e Genusvaldo Galdino de Araújo (PSD), todos eles por suspeita de compra de votos.
No entanto, no dia 25 do mesmo mês, depois de entrar com recurso, uma nova decisão judicial concedeu os mandatos a eles novamente. No dia 28 de junho, o TRE-GO cassou, pela segunda vez, os mandatos e determinou a realização de novas eleições na cidade.
Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário