TEORIA EXTRATERRESTRE

Contatos Imediatos

Na ufologia, um Contato Imediato é um evento em que uma pessoa vê a presença de um objeto voador não identificado (ÓVNI), e, ocasionalmente, os seus ocupantes. Este sistema de terminologia e classificação que lhe está subjacente foram inventadas por astrônomos e ufólogos. As categorias foram adicionadas mais tarde, são universalmente aceitas por todos os ufólogos.


Contato Imediato de Zero Grau (CI-0)

É a observação do óvni a grande distância. Onde não se pode ver suas partes bem detalhadas, é o tipo mais frequente de avistamento.



Contato Imediato de Primeiro Grau (CI-1)

A observação é realizada a curta distância, o que permite captar alguns detalhes do óvni, como janelas, pontos de luz, anexos, etc.



Contato Imediato do Segundo Grau (CI-2)

Ocorre quando o óvni pousa ou sobrevoa um determinado local, deixando indícios fortes de sua passagem (como vegetação queimada, marcas no solo, fragmentos, etc.), além de provocar perturbações em pessoas e animais.
 

Contato Imediato de Terceiro Grau (CI-3)

É possível observar tripulantes do ovni (dentro ou fora dele), sem que haja, no entanto, qualquer tipo de comunicação com eles.


Contato Imediato de Quarto Grau (CI-4)

Ocorre quando, além da observação de tripulantes do óvni, há algum tipo de comunicação, palavras, gestos, telepatia com os seres.


Contato Imediato de Quinto Grau (CI-5)

É o contato mais íntimo entre humanos e extraterrestres. O observador chega a entrar no óvni, voluntariamente ou não. Se for à força, fica caracterizado como um sequestro, chamado na ufologia de abdução.


Contato Imediato de Sexto Grau (CI-6)

Este e o contato com entidades consideradas hostis. Nesse contato ocorre ferimento ou morte, relacionado ao evento.

Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário