Idosa morre após ter 80% do corpo queimado durante incêndio, em Cachoeira Dourada Goiás

DELEGADO RICARDO CHUEIRE

Vazamento de gasolina pode ter causado fogo, em Cachoeira Dourada.
Neta diz que recebeu ligação da avó para falar de problemas com o genro.


Uma idosa de 79 anos morreu após ter cerca de 80% do corpo queimado após um incêndio na casa onde morava, em Cachoeria Dourada, região sul de Goiás, no sábado (2). Depois de receber os primeiros atendimentos em uma unidade de saúde da cidade, ela foi transferida para o Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), mas não resistiu aos ferimentos e faleceu no mesmo dia.

Segundo o Posto Policial do Hugo, uma filha e o genro da vítima estavam na casa no momento em que o fogo começou. Eles disseram que a mulher havia comprado um galão com gasolina para poder abastecer o carro que estava em casa. No entanto, ela não conseguiu colocar o combustível e guardou o recipiente na cozinha. "Eles disseram que os tios acordaram com um chiado e que quando foram tentar socorrer, ela já estava com muitas quimaduras", disse  o escrivão do posto policial, Airamitan Paes Leme.
No registro, feito no Hugo após qualquer morte considerada traumática, uma neta idosa, que não quis se identificar, afirmou que um dia antes da morte, a vítima ligou para ela e comentou sobre problemas de relacionamento que tinha com o genro. No entato, ela explicou que não podia fazer qualquer acusação contra os parentes, pois não estava no local para saber o que realmente aconteceu.
A mulher será enterrada em Cachoeira Dourada. Ricardo Chueire, delegado regional de Itumbiara, que responde pela cidade, revelou  que até o momento, nenhuma ocorrência em relação ao fato foi registrada pela Polícia Civil.

FONTE G1/GOIÁS
Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário