PSDB e DEM dizem em nota não reconhecer autoridade moral de Dilma


Nota conjunta divulgada na noite desta quarta-feira (14) pelo DEM e pelo PSDB afirma que a presidente Dilma Rousseff “quebrou o país para vencer as eleições” e diz não reconhecer que ela tenha “autoridade moral”.
Em discurso no Congresso da Central Única dos Trabalhadores na noite desta terça-feira, Dilma disse que a oposição tenta chegar ao poder por meio de "golpe" e busca "construir de forma artificial o impedimento de um governo eleito". No discurso, ela criticou o quem chamou de "moralistas sem moral" e indagou sobre quem teria biografia para atacá-la.

"Não reconhecemos autoridade moral na presidente da República que quebrou o país para vencer as eleições e retirou mais de um milhão de empregos das famílias brasileiras e que assistiu passivamente a nossa maior empresa pública ser assaltada em benefício do seu projeto de poder", diz a nota da oposição.
Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário