Desabrigada, família dorme em carro após cheia de rio em Piracicaba, SP


Após chuvas constantes, moradores de Piracicaba (SP) sofrem com as cheias do rios que passam pela cidade. No bairro Vila Rios, pelo menos de 30 casas foram completamente inundadas pelo do Rio Corumbataí. Em algumas delas, o nível da água alcança os telhados. Desabrigada, uma família dorme no carro há quatro dias, desde que a enchente começou.

Sem ter para onde ir, o eletricista José Ricardo de Arruda resolveu improvisar, no veículo, uma moradia para a mulher e os filhos.Tudo o que eles têm são as poucas roupas que conseguiram pegar quando a água invadiu a casa da família.
Os objetos que salvaram estão no porta-malas do carro. O casal e os filhos passam o dia em revezamento para não abandonar a casa. Segundo ele, além do problema com a enchente, as residências são alvos de ladrões. "Já roubaram três casas desde que a chuva começou. Está muito difícil", disse.
O calheiro Roberto Grim usa um barco, emprestado de um amigo para se locomover e colocou a família toda na parte de cima da casa. O Rio Corumbataí passa atrás da casa do soldador Vagner Bispo. Ele perdeu vários móveis e outros pertences. "É cama, geladeira, fogão, tudo...", lamentou. Em outra casa, as galinhas se abrigavam nos telhados.O desespero dos moradores é grande, tanto que alguns se arriscam para salvar o que têm. Um cartaz, na janela de uma das residências, tinha um pedido de socorro.
O calheiro David Roberto, morador da região, reclamou da falta de assistência. "Ninguém nos ajuda em nada, só vê a situação e vai embora", criticou.
Na Rua Guarantã, também na Vila Rios, as casas também foram invadidadas pela cheia do Rio Corumbataí. A dona de casa Rosana Menezes reclamou da falta de socorro a uma mulher que precisa de ajuda."O Samu chegou e perguntou onde ela morava e quando soube que era nessa rua alagada, bateu a porta da ambulância e foi embora", relatou.
Share on Google Plus

About

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário